21 fevereiro, 2016

Resenha As Bruxas by Roald Dahl

Boa tarde!
Sempre gostei das obras de Roald - mesmo sem saber que era dele.
Quando eu era criança costumava assistir Convenção das Bruxas, Matilda e A Fantástica Fábrica de Chocolate e achava geniais, nunca cansava de assisti-los. Mas até então nem desconfiava de que havia os livros, ou mesmo, que eram do mesmo autor.
Sabe aquele livro infantil extremamente bem escrito?
É essa a sensação que tive quando li As Bruxas; é um livro bem escrito e cheio de magia, que em nenhum momento fica besta ou chato, simplesmente, é incrível.
Se eu tivesse lido antes de assistir os filmes teria amado muito mais, As Bruxas é extremamente fiel ao filme ( e vise versa ), salve o final que muda um pouquinho.
As Bruxas, para quem ainda não teve a oportunidade de assistir o filme, conta a estória de um menino que acabou de ficar órfão e acaba tendo que morar com sua avó na Noruega, por conta do testamento eles tem que se mudarem para Inglaterra e é lá que eles acabam se deparando com as bruxas inglesas.

Os primeiros capítulos do livro é sobre como identificar uma bruxas e é incrível como a construção das características é original, fugindo do costumeiro.
As Bruxas é uma leitura leve, divertida e extremamente mágica.
Se você ainda não leu, leia, vale cada página.
Xoxo,

Jaqueline. 

14 fevereiro, 2016

Resenha Second Chance Summer by Morgan Matson

Bom gente,

O meu primeiro livro lido nessa minha maratona foi Second Chance Summer – sim, comecei a ler livro em Inglês no ano passado, vou fazer um poste pra vocês depois sobre isso.
O livro conta a estória de uma menina chamada Taylor, ela nunca consegue encarar as coisas, sempre foge, até que um dia o pai dela adoece e ela se vê obrigada a voltar para a sua casa de verão junto com a família para um último verão juntos; e junto com esta mudança várias lembranças voltam e ela tem que encarar as consequências das suas atitudes no passado.
Second Chance Summer tem uma boa premissa, o inglês é fácil, e a leitura é descontraída. Eu gostei da estória de um modo geral, mas teve alguns pontos que me incomodaram.


Tive a sensação de que a doença do pai dela ficou em segundo plano, sendo que pra mim era algo muito sério (já passei pela mesma situação), queria que a autora tivesse dado mais um pouquinho de enfoque sobre o que a doença causa na vida dos familiares que passam por isso.
Acho que o livro tem mais páginas do que o necessário, teve alguns momento que se fosse eu teria simplesmente cortado, pois não teria feito diferença, mas então, por que estava ali?


Eu gostei do romance, e dos amigos da Taylor, da forma como o livro não é voltado apenas para um romance, mas para o conjunto de fatores que levam a Taylor a fugir dos momentos difíceis, e como é nítido a mudança dela até a última página. Os personagens são bem construídos e o romance é quase tocável... a química dos personagens é muito boa.
Pretendo ler mais livro da autora.
Xoxo,

Jaqueline. 

Maratona Literária 2016

Bom dia – ou boa tarde, haha, acabei de acordar!

Um belo dia eu encarei o meu Skoob e percebi que tenho 46 livros não lidos! A maioria é fruto de promoções que vejo na internet ou em Pinheiros, mas, o fato é, eu não gosto de acumular porque fico com uma sensação ruim e acabo me cobrando para lê-los; e ainda quero comprar tantos...
Tenho a sensação de que a ansiedade me faz consumista, e quero parar com isso, por isso, no final do ano me estipulei uma meta: ler todos os 46 e não comprar nenhum livro em 2016.
Até hoje estou conseguindo cumprir a meta, u.u
Estou tentando ler o mais rápido possível, o ruim é que sempre tem aquele livro laranja podre que é ruim e você demora mais do que o necessário para ler, foi o caso do livro A Livraria 24 Horas do Mr. Penumbra – vai ter resenha sim, logo, logo.
Pretendo fazer resenha de todos os livros lidos, vou deixá-las prontas para que vocês possam me acompanhar nessa jornada. Preparados?

Xoxo,

Jaq.